Unem estima crescimento do etanol de milho no Brasil de 5% até 20% na participação do biocombustível nacional Destaque

Escrito por  Out 24, 2019

O mercado do etanol de milho no Brasil vem crescendo nos últimos anos e deve seguir neste ritmo de expansão, segundo a visão da Unem (União Nacional do Etanol de Milho). Os dados da entidade dão conta de que a produção deste tipo de bicombustível em Mato Grosso aumentou 66% no último ano e hoje já corresponde à 1.4 bilhão de litros no país.

Segundo o presidente da Unem, Guilherme Nolasco, as estimativas apontam que essa produção deva chegar aos dois bilhões de litros ainda em 2020 e aumentar dos atuais 5% de representatividade no total de bicombustíveis brasileiros para 20% em até 10 anos.

Para sustentar este crescimento, diversas usinas de produção de etanol de milho estão em processo de implementação. Serão cinco novas usinas em Mato Grosso até 2021 e uma em Roraima, além de alguns projetos em desenvolvimento para Goiás.

Para Nolasco, nem mesmo o aumento recorde nas exportações brasileiras de milho e a possibilidade de problemas para a segunda safra de 2020, após o atraso no plantio da soja, abalam o otimismo do setor. A liderança acredita na oferta abundante do cereal para atender toda a demanda e na valorização dos preços aos produtores.

Notícias Agrícolas

    1. Mais vistas
    2. Destaques
    3. Comentários
    Ad Right

    Calendário

    « Maio 2022 »
    Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
                1
    2 3 4 5 6 7 8
    9 10 11 12 13 14 15
    16 17 18 19 20 21 22
    23 24 25 26 27 28 29
    30 31